Resenha | O morro dos ventos uivantes - Emily Brontë

08 fevereiro 2021 Recife - PE, Brasil

O Morro dos Ventos Uivantes | Emily Brontë | 368 páginas | Romance | 1846 | ⭐⭐⭐⭐⭐

Mais uma resenha das irmãs Brontë por aqui, dessa vez trago a obra O Morro dos Ventos Uivantes da autora inglesa Emily Brontë. Este é o seu primeiro e único Romance, porém digno de todo reconhecimento.

Vejo que este é um livro que divide opiniões, vi muitas avaliações que ficavam entre amor ou completa indiferença. Estamos falando de um clássico, não é uma leitura fluida pra quem não está acostumado e não é uma história leve pra passar o tempo.

Ao meu ver o que faz O Morro dos Ventos Uivantes uma obra memorável é a sensibilidade da autora na construção de uma narrativa profunda mesmo em meio a um ambiente de vivências pessoais singelas. E não estamos falando de um Romance romântico, muito pelo contrário, um romance que mostra como as experiências são capazes de nos moldar e nos tornar cruéis. 

Uma história crua e delicada ao mesmo tempo, é o tipo de livro que leria duas vezes pra me aprofundar melhor na trama e nos personagens. Mas como vocês podem perceber eu sou muito emocionada nas resenhas, então vou logo ao que importa que é do que se trata a história.

Resenha | O Morro dos Ventos Uivantes - Emily Brontë
*sem spoiler*

A história começa com a chegada de Heathcliff ainda pequeno na família Earnshaw, ele foi adotado pelo próprio Sr. Earnshaw que o encontrou solitário e desamparado pelas ruas de Liverpool. Assim resolveu levá-lo para casa e deu a ele comida, teto e um nome.

Com a presença do novo morador no Morro dos Ventos Uivantes (nome dado à região em que se encena a história), as coisas na casa começam a sair de sua calmaria. O garoto Heathcliff sofre desde sua chegada, chamado de cigano por sua pele escura e maltratado pelos outros filhos do Sr. Earnshaw (Catherine e Hindley) por sua origem humilde.

É doloroso acompanhar o a forma como Heathcliff é tratado na história e o quanto ele absorve esse ódio e rancor para se emprenhar numa futura vingança. Hindley segue odiando o pobre garoto por anos a fio enquanto Catherine nutre compaixão e se torna grande amiga de Heathcliff, que deixa as desavenças de lado e acaba aos poucos se apaixonando pela irmã adotiva.

Heathcliff é um menino que sofreu muito e se torna um jovem que carrega esse sofrimento, ele sequer tem paz morando na mesma casa que Hindley, é obrigado viver com os criados e como um criado, foi proibido de ir a escola e come todos os dias o pão que o diabo amassou.

Isso resulta num personagem cheio de rancor, sofrimento e dureza. Tudo o que ele viveu molda quem ele se torna ao longo das páginas, a construção do personagem é muito bem feita do começo ao fim e isso foi o que mais me chamou atenção no livro. Heathcliff se torna um homem que só tem a dar o que recebeu durante sua vida, é alguém fechado, duro, rancoroso e de temperamento ruim.

Só lhe peço, Catherine, que me faça uma justiça: acredite que, se eu talvez pudesse ser doce e gentil como você é, eu seria;

Em uma época de casamentos arranjados, mesmo que Catherine sentisse o sentimento mais puro e verdadeiro por Heathcliff, ela tinha seu destino traçado com um homem bom, de uma família de nome e de boas posses. Esse é Edgar Linton vizinho da propriedade Earnshaw e futuro marido de Catherine.

É neste ponto que Catherine se vê presa em um dilema: seguir o coração e viver com um pobre homem que a ama, a conhece e a deseja com todas as forças ou ter status social e dividir o teto com um homem que sequer sabe dos seus anseios e sonhos mas que irá respeitá-la.

E como já devemos saber ela escolhe Edgar Linton (não é spoiler, acredite), e é a partir daí que a história se desenvolve realmente. Vemos Emily Brontë caminhar por outros rumos em um Romance profundo senão sombrio da história de Catherine e Heathcliff. 

Aqui estamos muito longe de um clichê, a premissa me pareceu apenas um romance trágico mas não contava com a riqueza de detalhes e a complexidade a nível sentimental dos personagens.

A história mostra o quão atormentado e cruel se torna o coração de alguém apaixonado. Vemos o amor e ódio caminhando lado a lado. É inacreditável o rumo que a história toma e vemos de forma crua o nível que os personagens são capazes de chegar. 


O que mais me prendeu na história foi acompanhar o desenvolvimento Heathcliff e como ele caminha entre o herói apaixonado e o tirano amargo e vingativo. Confesso que passei muita raiva com ele, sabe aqueles momentos que fechamos o livro pra acalmar os nervos e não acabar jogando ele longe? Isso que eu sentia.

O livro é narrado por Nelly, a criada, que conta a vida dos moradores do Morro dos Ventos Uivantes. Particularmente achei esse jeito de contar a história bem cansativa e me peguei muitas vezes dando pequenos passos na leitura, também pela riqueza de detalhes que chegou a cansar um pouco. Mas isso é super compreensível e a obra segue sendo incrível.

No geral foi uma leitura MUITO positiva pra mim, eu me surpreendi demais com o livro pois nada foi como eu imaginei que seria. E se você gosta de leituras profundas que te faz pensar além do que está escrito, vale muito a pena ler essa obra. Você a encontra em diversas lojas virtuais: ou seja, você pode ter esse livro sem sair de casa e pagando barato se usar um cupom de desconto.


Gostou da resenha? Me acompanhe nas redes sociais!

42 comentários

  1. fiquei curiosa com o livro
    http://retromaggie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi
    que bom que gostou da leitura e acabou se surpreendendo, eu tentei ler esse livro, li até a metade, mas depois não consegui prosseguir, achei a história cansativa.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá...
    Adorei a sua resenha!
    Esse livro está na minha lista de desejados e estou simplesmente loooooouca pra ler! Seus comentários a respeito me fizeram desejar a leitura ainda mais...
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Já ouvi falar muito nesse livro e tenho curiosidade em ler, porém não sou muito de ler, será que tem filme??
    Gosto muitoooo de histórias produnfas, que nos fazem pensar, é meu tipo de história preferida.
    Fiquei curiosa pelo que você disse que o desenvolver do personagem é muito bem feito etc.
    Ótima resenha :)

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Já li esse livro e achei maravilhoso!
    Super legal!
    Beijos.
    http://vinteedoisdemaio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Que legal ver sua opinião sobre esse grande clássico. Ainda não tive coragem de ler, mas ainda quero.

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Já ouvi falar deste livro mais ainda não tive a oportunidade de ler.
    Ótimo post.

    www.paginasempreto.blogspot.com

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Como você está? Espero que esteja bem.

    Eu tenho a mesma edição que você a acho a capa um charme. Eu ainda não li porque eu tenho muita leitura atrasada. Mas estou louca para ler logo.

    Beijão!
    Lumusiando

    ResponderExcluir
  9. Eu li esse livro lá na época do crepúsculo e sinto muita necessidade de reler porque sinto que não entendi a história direito. Adorei a resenha. Essa capa é linda <3
    Beijos,

    Marcela Miranda

    ResponderExcluir
  10. Essa capa é linda e a história também é.
    Ainda não li, mas ainda quero.
    bjs www.diadebrilho.com

    ResponderExcluir
  11. eu quero muito ler esse clássico!
    quase comprei esses dias, mas to com muito livro pra ler em casa kk preciso fazer a fila andar

    beijo
    A mina de fé

    ResponderExcluir
  12. Olá,
    Essa leitura é uma das que eu "fugia" desde sempre por sempre ler que é intenso e momentos meios pesados. Conheço bastante da história por causa dos memes pelas redes, quero dar uma chance nesse ano.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  13. Esse é um clássico que precisa ser lido! Vale a pena
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  14. Eu conheci essa história depois de assistir ao filme de 1992, achei bem complexa, uma história rica e cheia de acontecimentos, nada previsível. Amo esse tipo de coisa e, depois da sua resenha, fiquei morrendo de vontade de ler o livro agora, haha.
    E vc escreve muito bem, parabéns! <3

    Beijos,
    Livro de Memórias

    ResponderExcluir
  15. Olá, Bruna.
    Infelizmente esse livro não funcionou comigo. Li ele esperando uma linda história de amor e só encontrei ódio e loucura nos personagens hehe. Mas acredito que foi culpa das minhas expectativas mesmo.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  16. Eu estou louca para ler este livro.
    bjss
    www.andressamonteiro.com

    ResponderExcluir
  17. Beautifully written post. Thanks for sharing your thoughts.

    Love,
    AL-
    Hijab Styles to Wear for Eid

    ResponderExcluir
  18. Não tenho nem como exprimir o quanto essa resenha ficou ótima.
    Minha irmã tem esse livro e ele está na minha lista para pegar emprestado e ler, haha.
    Gostei de saber que não é um romance clichê e que apesar de denso, é possível retirar boas reflexões dele.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  19. Não vou ler sua resenha porque to com ele aqui pra ler haha
    Comprei na promoção ano passado e ele segue na lista para ler esse ano.
    Você tem conta no skoob, se tiver nem sei se te sigo lá.
    Beijos!
    Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  20. Esse é um dos clássicos que sempre escuto falar, mas que ainda não peguei para ler. Adorei a resenha :)

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  21. Assisti ao filme (na verdade não sei se existe apenas uma versão de filme ou +) e amei. Preciso até ver se minha mãe ainda tem o livro, pq preciso lê-lo. Tomara que ela não tenha doado, rs.

    Beijos/Kisses.



    Anete Oliveira

    Blog Coisitas e Coisinhas

    Fanpage

    Instagram

    ResponderExcluir
  22. Oi Bruna,
    Li esse livro há anos, antes mesmo de ter o blog e gostei bastante!
    Quero ver se releio para trazer uma resenha, tenho uma edição especial capa dura aqui em casa que amo demais!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Quando vi o título do livro logo lembrei daqueles livros de época que são ricos em detalhes e nos pedem atenção ao lê-lo. Se eu não me engano, tenho esse livro baixado em PDF para ler e agora que finalmente tomei vergonha na minha cara para ler mais livros esse ano, com certeza lerei esse.
    Com o passar do tempo descobri que o ser humano pode alimentar dentro de si tanto amor quanto ódio, e o mais triste é que as decepções amorosas são um dos pivôs para isso acontecer. Passei por tanto perrengue na vida que hoje amo quem me trata bem e odeio quem não faz o mesmo. Eu enxergo isso como uma autodefesa, e fiquei sentida pelo personagem sofrer tanto, o que contribui para a raiva aumentar ainda mais.
    Beijos. 
    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  24. Na época de Crepúsculo, de tanto ele ser mencionado, eu cismei que tinha que ler, mas não rolou. Acredito que eu não tinha maturidade suficiente para absorver a história, assim como aconteceu quando tentei ler Orgulho e Preconceito com 14 anos. Não digo que farei isso por agora, mas pretendo dar uma nova chance para este livro e dessa vez espero conseguir me conectar com ele.

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  25. Amei a resenha. Eu sou doida para ler esse livro desde Crepúsculo, mas até hoje não me senti madura o suficiente par apreciar história, tenho um sério problema com leitura de clássicos.
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Oi, Bruna!
    Amei esse livro até a metade, quando perdi a paciência com o excesso de detalhes e não via a hora de terminar logo kkk.
    Que bom que sua experiência foi positiva :D


    Estante Bibliográfica > Tem post novo! :D

    ResponderExcluir
  27. I want to read some books by C.Bronte ❤

    ResponderExcluir
  28. Oie Bruna!
    Eu tenho ele aqui em uma edição capa dura antiga que eu comprei num sebo e fiquei mais interessada após a sua resenha
    (fui peesquisar e a edição dazahar também me chamou a atenção, hein rsrsrs)
    um coração apaixonado e atormentado pelo amor? AI MEU DEUS

    acho que preciso ler rsrsrs
    mas entendo que por ser um clássico, às vezes a leitura pode se4r cansativa, ainda pela riqueza de detlahes, mas sinto que vai valer a pena!

    Beijos!
    Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
  29. Menina, acredita que ganhei esse livro de aniversário há uns 10 anos, mas ainda não li?! Cheguei até a emprestar para amigas minhas, e eu mesma não cheguei a ler. Tinha até m esquecido dele.

    ResponderExcluir
  30. Vi no insta quando vc falou que estava lento, como vira e mexe tem promoção dele aguardei a resenha. Eu tenho dificuldades na leitura de clássico mas a história me interessou muito. Acredito que na próxima promo eu deva pegar ele.

    Beeijos

    Eu Milhazes

    ResponderExcluir
  31. Bruna, esse livro tá na minha listinha de clássicos que pretendo ler um dia! :) Eu não conhecia muito a história e nem sabia que tinha Liverpool no meio. Muitos detalhes cansam mesmo, mas acho que as outras características faz tudo valer a pena. Eu amo um clichê, mas ser pega de surpresa é bom também! Enfim, a resenha tá ótima. ♥

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  32. Olá Bruna,
    Morro de vontade de ler esse livro que ganhou uma adaptação clássica para o cinema, deve ser incrível.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    obs: Estou com uma pesquisa de público no blog, se puder responder, ficarei feliz.

    ResponderExcluir
  33. Oi, Bruna. Tudo bem?
    Esse é um clássico que li muitos anos atrás e lembro que fiquei revoltada, li em 2018 no clube do livro e percebi que gosto bem mais do livro, mesmo o Heathcliff me irritando muito.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

    ResponderExcluir
  34. Achei a história bem interessante, vou seguir sua indicação e procurar por ele depois. Resenha maravilhosa !
    http://blogresenhando.travel.blog/

    ResponderExcluir
  35. É desse tipo de leitura mesmo que eu gosto, já anotei o nome do livro na minha gigante lista de livros que preciso ler
    Beijos ♡ Blog | Instagram | Youtube

    ResponderExcluir
  36. Oi tudo bem?

    Abandonei essa livro duas vezes antes de finalmente dar uma chance e ler até o final. Não é uma narrativa fácil e os personagens embora bem construidos, visivelmente tinham graves problemas emocionais. É uma obra incrível e marcante, mas ao mesmo tempo confusa e dolorosa.

    Beijos;***
    Ariane Gisele Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  37. Que resenha mais maravilhosa essa! Eu adorei saber mais sobre esse livro.
    www.achatadebatom.com

    ResponderExcluir
  38. ahh, amei sua resenha! esse ano tô querendo ler mais clássicos e obviamente esse livro tá na minha listinha. lerei em breve se possível <3

    ResponderExcluir
  39. Que resenha maravilhosa, tenho muita curiosidade de ler este livro, um clássico.

    Beijos
    www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
  40. Amei esse livro, foi bem mais fácil de ler do que eu imaginava. Depois desse eu li Jane Eyre e ai que meu queixo caiu. Uma irmão consegue superar a outra que já era boa.

    Pra mim só ta faltando ler uma das irmãs agora.

    Apesar do Caos

    ResponderExcluir

- Caso você tenha um blog deixe o link dele no comentário para que eu possa fazer uma visita! :)
- Quer receber notificação da minha resposta? Clique em "Notifique-me" no canto direito da caixa de comentários.
-Bem Vindo(a) e volte sempre!

Papelada — Rotina, livros e bullet journal © . Theme by STS.